A Pfizer diz que não houve casos de reações alérgicas durante o estudo da vacina Covid-19


Não houve casos de reações alérgicas graves à vacina da Pfizer e de sua parceira BioNTech durante os testes clínicos, disse um executivo da Pfizer na sexta-feira.




Frasco com vacina da Pfizer e BioNTech em hospital em Belfast, Irlanda do Norte 12/08/2020 Liam McBurney / Pool via REUTERS

Foto: Reuters

Um teste avançado da vacina potencial excluiu participantes que tinham histórico de reações alérgicas graves a qualquer vacina ou componentes da vacina Pfizer-BioNTech, disse William Gruber, vice-presidente sênior de pesquisa e desenvolvimento de vacinas da Pfizer.

“Não tivemos nenhum episódio anafilático relacionado à vacina”, disse Gruber durante uma reunião de consultores independentes no Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos.

O ensaio incluiu cerca de 6.000 participantes nos grupos de vacina e placebo, com histórico de uma série de condições alérgicas, como alergia ao pólen, alergia alimentar e até anafilaxia, de acordo com a executiva da Pfizer, Susan Mather.

A anafilaxia é uma reação exagerada do sistema imunológico do corpo que às vezes pode ser fatal.

Os comentários seguem uma recomendação do regulador de drogas britânico de que pessoas com histórico de reações alérgicas significativas não tomem a vacina Pfizer-BioNTech depois que duas pessoas relataram efeitos adversos. A Food and Drug Administration (FDA) dos EUA deve emitir uma autorização de uso de emergência para a vacina de duas doses na sexta-feira, de acordo com o New York Times.

Depois de autorizados, os primeiros americanos podem ser imunizados na segunda ou terça-feira, com os profissionais de saúde entre os primeiros da fila.

Veja também:





O que sabemos sobre os monólitos que surgiram nos EUA e na Europa

Reuters
Reuters – Esta publicação, incluindo informações e dados, é propriedade intelectual da Reuters. Seu uso ou seu nome é expressamente proibido sem a autorização prévia da Reuters. Todos os direitos reservados.

  • separador