A regra do Parlamento Europeu pode aumentar a pressão contra o desmatamento no Brasil


  • André Shalders – @andreshalders
  • BBC News Brasil em Brasília

Legenda da foto,

Proposta a ser avaliada em 2021 prevê que as empresas que vendem para a Europa tenham que comprovar que seus produtos foram feitos sem contribuir para a destruição de biomas como a Amazônia e o Cerrado

No início de 2021, a União Européia começará a discutir uma regra que pode aumentar a pressão contra o desmatamento no Brasil.

As empresas que vendem para a Europa terão que provar que seus produtos foram feitos sem contribuir para a destruição de biomas como a Amazônia e o Cerrado.

A proposta visa principalmente soja e carne bovina, dois dos principais produtos vendidos pelo Brasil aos europeus. A mesma exigência também se aplicaria a empresas europeias que vierem a investir dinheiro no Brasil – como bancos e fundos de investimento.

Só em carne bovina, o Brasil vendeu US $ 560 milhões para países europeus em 2019. No mesmo ano, a venda de soja para os países do bloco rendeu ao Brasil US $ 6,05 bilhões, o equivalente a R $ 32,5 bilhões.