Bolsonaro diz que a pandemia está “no fim”, mas o país tem 31.000 hospitalizados com covid-19


  • Matheus Magenta
  • BBC News Brasil em Londres

Embora o presidente Jair Bolsonaro diga que a pandemia está no “fim”, todos os estados registraram aumento de casos e o Brasil hoje tem pelo menos 31 mil internados com a doença. Do total, 17.500 estão em leitos clínicos e 13.500 em unidades de terapia intensiva (UTIs) – esse número pode ser ainda maior porque alguns estados não divulgam dados de hospitais privados.

Esse total de pacientes internados, compilado pela BBC News Brasil a partir de dados estaduais, municipais e federais, seria suficiente para encher um estádio usado para a Copa do Mundo de 2014, a Arena das Dunas, em Natal. No RN, foi confirmado o primeiro caso de reinfecção por covid-19 no país e a ocupação de leitos críticos já é a maior desde agosto.

Não é possível comparar a situação atual com o pico do primeiro semestre por dois motivos. Nem todos os estados divulgam dados históricos e a taxa de ocupação por leitos pode mudar com o tempo, já que os funcionários do governo oferecem leitos mais adaptados ou alugam leitos na rede privada, por exemplo.

Mas você já pode ter uma ideia da situação com base nos dados mais recentes.