Crisis PC com Crash Bandicoot (e comparação com Nintendo Switch!)

O amigável marsupial laranja trará alegria aos PCs que chegam?

Faz um tempo que não brincamos com nossos PCs básicos, procurando por novos lançamentos, brincamos? Hoje, nossos testes serão em dose dupla! Além de tentar jogar o jogo Crash Bandicoot 4: It’s About Time em nosso hardware mais limitado, também recebemos uma cópia para Nintendo Switch, e será possível comparar como o jogo funciona na sua porta para o console portátil Nintendo.

Para nossos testes, o Crisis PC vem equipado com o seguinte hardware:

– Processador AMD Ryzen 3 3200G
– Gráficos integrados na CPU Vega 8
– Placa-mãe ASUS A320M-K / BR
– 2×8 GB DDR4 Teamgroup T-Force Vulkan @ 3000 MHz
– Fonte de alimentação 300W SFX 80 PLUS

E felizmente o jogo não foi mal. Configurando em HD e qualidade mínima, já temos a opção de jogar Crash a 60fps, algo que é muito bem-vindo para um jogo que envolve tanta ação e movimento. A qualidade gráfica não é ruim, apesar dos saliências visíveis e, principalmente na interface, são necessários menos pixels.

Traga para FullHD já muito melhor os serrilhados e a definição do HUD, mas aí começamos a complicar na taxa de quadros. Dependendo da cena, pode ficar abaixo de 30fps, chegando a 24fps. Não é o ideal, mas felizmente a queda na taxa de quadros não acontece de forma abrupta e não inviabiliza a jogabilidade. Para ter 30fps mais “seguro”, o jeito é ir pelos 900p, onde você pode até configurar no meio pré-configurado e ter uma jogabilidade com um bom equilíbrio entre desempenho e qualidade gráfica.


– Continua após a publicidade –

Como uma cópia foi disponibilizada para o Nintendo Switch, foi possível vivenciar como o jogo foi projetado para rodar no “tablet gamer” da Nintendo. E, nesse cenário, o porto era interessante. O jogo roda travado em 30fps com um bom nível de estabilidade e mantém muitos dos filtros visuais que vemos no PC. O maior problema, porém, está na resolução. Abaixo temos o PC Crisis rodando o jogo em resolução HD, e uma ligeira diferença de definição é visível na imagem, o que mostra que o laptop precisa rodar o jogo em uma resolução um pouco abaixo de 1280 x 720 para manter o desempenho.

Link de compra do Steam
Link de compra da Nintendo Store
Link para comprar na PSN
Link de compra da Loja Xbox

Isso afeta o estriado, que acaba sendo mais perceptível no console Big N. Apesar desta redução, o jogo apresenta um bom nível de qualidade gráfica em geral e, principalmente, não apresenta problemas de desempenho, entregando uma experiência consistente e indispensável para um jogo. que precisa de respostas rápidas e precisas, como Crash Bandicoot.

Source