Dembélé salva um Barcelona que mostra outro espírito – 05/04/2021

O Valladolid chegou ao Camp Nou cheio de trapos por Covid, com apenas uma vitória nos últimos 11 jogos, a segunda equipe acima da zona de rebaixamento. Resumindo: presa fácil para um Barcelona que começou a voar na segunda metade da temporada. Direito? Errado.

O Valladolid fez uma partida quase heróica no Camp Nou, perdeu um jogador expulso de forma polêmica, até teve chance de fazer seu gol (acertou na trave no primeiro tempo). Mas ele não resistiu. Aos 45 minutos do segundo tempo, Dembélé conseguiu o gol da defesa, que faz o Barcelona aproveitar a tropeça do líder Atlético de Madrid na rodada.

O Atlético agora tem apenas um ponto à frente do Barça (66 a 65). O Real Madrid tem 63 e está vivo na disputa. No próximo sábado, o Real recebe o Barça no segundo tempo superclássico.

Mais do que uma vitória, o Barcelona tem que celebrar o espírito de luta, que nada tem a ver com o que o clube mostrou na primeira parte da temporada. Em 2020, ele era o 8-2 do Barça, um Messi que queria ir embora, um Barça que estava deprimido, desmotivado e sem vontade.

Hoje, no jogo sujo contra o Valladolid, a equipe não parou de buscar a vitória. Ele martelou, martelou, martelou, até ter sucesso. Taticamente, o novo sistema (de três defensores) não funcionou tão bem. Faltava precisão e os erros de passagem estavam se acumulando. Mas a vontade prevaleceu.

Agora, são 16 vitórias e 3 empates nos últimos 19 jogos – ou seja, o Barça completa uma rodada de invencibilidade. A última derrota pela Liga foi no dia 5 de dezembro, há quatro meses. No momento, a equipe de Messi parece ser a mais forte candidata ao título. Mas, claro, a dupla madrilena tentará escrever outra história.

Source