Deputado acusa GSI pela entrada de Eduardo armado no Planalto


Reprodução / Twitter / Eduardo Bolsonaro

O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) pediu esclarecimentos a Augusto Heleno (GSI) sobre a entrada de Eduardo Bolsonaro no gabinete de Jair Bolsonaro com uma arma na cintura.

A arma foi exposta pelo deputado em foto publicada ontem no Instagram.

Teixeira quer saber se alguma autoridade pode portar armas no Palácio do Planalto e na presidência e se a segurança do presidente permitiu que Eduardo visitasse seu pai armado.

“Amanhã um parlamentar que está em desacordo com o presidente entra armado e pode matá-lo. Esta situação criou um precedente muito sério. É uma falha de segurança ”, disse o deputado.