Leilão da Receita Federal tem iPhone e iPad antigos a partir de R $ 400 | Telefones celulares e tablets

O IRS abriu um leilão que dará a oportunidade de comprar produtos da Apple a preços mais acessíveis. Um dos lotes inclui iPhone 7 e iPad Air 2 (maçã) para o lance inicial de $ 400. O evento é dirigido a pessoas físicas e jurídicas. Qualquer pessoa interessada pode enviar propostas até as 21h desta segunda-feira (05). A sessão virtual está marcada para amanhã (06) a partir das 10h.

O leilão é organizado pela Receita do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, interior de São Paulo. Pessoas físicas e jurídicas de todo o Brasil podem demonstrar interesse nos 82 lotes de produtos oferecidos pela agência. Ofertas para empresas a partir de R $ 8.300.

🔎 Encontre os melhores telefones com grandes descontos

Os interessados ​​precisam preparar parte do pagamento para o dia seguinte e sacar, ou transportar, os produtos – Foto: Divulgação / IRS

Os interessados ​​precisam ter em mente algumas restrições e regras de funcionamento do evento. Em vários lotes, a Receita classifica o produto como “remanufaturado” e ressalta que não dá garantias de funcionamento dos itens. Quem vence o concurso e garante muito também precisa pagar pelo frete ou providenciar o recolhimento na unidade de Viracopos, já que o transporte não é da responsabilidade da agência.

O leilão é composto por 82 lotes diferentes, dos quais 50 são compostos por um aparelho iPhone 7 – o texto não diz se é a versão de 128 GB ou 256 GB de armazenamento – e um aparelho iPad Air 2.

O telefone em questão é o modelo 2016, que ainda é bastante popular no mercado de seminovos e pode ser encontrado, novo, por R $ 2.100 no Brasil. O tablet em questão é o modelo de entrada apresentado em 2014. Atualmente, essa geração está fora do programa de atualização da marca, que garante cinco anos de serviço. atualizações.

iPad Air 2 foi lançado em 2014 – Foto: Divulgação / Apple

Os 32 lotes restantes, exclusivamente para empresas, oferecem maior volume de produtos a preços elevados. Os pacotes mais baratos têm lance mínimo de R $ 8.300 e consistem em 50 unidades do iPhone 7. Com 150 unidades do smartphone, o lote 77 é o mais caro do leilão, com lance inicial de R $ 25 mil. Existem também combinações intermediárias – com 10 iPads 2 Air e 50 iPhones 7, por exemplo – a partir de R $ 10.000.

Devido às restrições da pandemia, os interessados ​​não têm acesso físico aos produtos para verificação, mas podem fazer uma visita virtual pelo WhatsApp mediante agendamento. A Receita Federal informa que é necessário ligar para (19) 3725-6654 para agendar a reunião com duração de até 25 minutos.

Verifique o orçamento do iPhone 7 nos Estados Unidos (2016)

O leilão consiste em duas fases. Na primeira, os interessados ​​apresentam propostas iniciais que estão em valor acima do mínimo proposto para cada lote. Ao final desse processo, apenas propostas que estejam 10% abaixo do valor mais alto são aceitas e passam para a segunda fase. Os responsáveis ​​pelas propostas aceitas recebem uma autorização digital e são convidados a participar do leilão virtual, no qual poderão licitar mais lotes até que seja oferecida a proposta de maior valor.

Os vencedores devem efetuar o pagamento no dia útil seguinte ao leilão. É possível parcelar esse pagamento em duas parcelas: a primeira em 20% e a outra 80% em uma segunda parcela no prazo máximo de oito dias.

Os cidadãos ou empresas interessados ​​devem ter acesso a um e-CAC, uma espécie de certificado eletrônico emitido pela própria Receita Federal para participar do leilão. A agência proíbe a revenda de produtos para indivíduos.

Com informações de IRS

Confira o confronto Galaxy S21 Plus vs iPhone 12 Pro

Confira o confronto Galaxy S21 Plus vs iPhone 12 Pro

Source