Minas freia o mpeto do Sesi Bauru e abre a frente nas semifinais da Superliga

(Foto: Wander Roberto / Inovafoto / CBV)

O Minas fez prevalecer a melhor campanha na fase classificatória e aproveitou o Sesi Bauru no semifinais Super Liga Feminina. No jogo que fechou a rodada dupla nesta sexta-feira, no Centro de Desenvolvimento Vlei, em Saquarema-RJ, o time mineiro venceu o time de São Paulo por 3 conjuntos para 1. Os parciais eram 25/21, 24/26, 25/19 e 25/17.

O Minas está a uma vitória de decidir a Superliga novamente, repetindo a temporada 2018/19, quando venceu o Praia na final e foi campeão pela terceira vez. Se vencer o Sesi Bauru neste domingo, às 21h30, no mesmo local, o time mineiro vai se garantir na disputa pelo quarto título. Os paulistas precisam dar o troco para empatar a melhor série de três e provocar o terceiro e último duelo, marcado para as próximas 30, às 19h.

O vencedor do Minas x Bauru enfrentará o vencedor do Osasco x Praia Clube na decisão. A equipe da Uberlândia assumiu a liderança no primeiro duelo, nesta sexta-feira, com uma vitória por 3-2, e também está a uma vitória de garantir a sua presença na final. Seria o segundo clássico regional consecutivo na briga pela copa, já que, na temporada 2019/20, a Superliga fechou sem campeão por causa da pandemia do COVID-19.

MINA DE MINERAÇÃO

O jogo coletivo foi a arma de Minas, com mais uma exibição de gala do levantador Macris. Distribuindo as bolas perfeitamente, ela estava em perfeita sintonia com a dica do Pri Daroit. Por outro lado, a americana Danielle Cuttino e Megan ‘Easy’ demoraram a entrar no ritmo da partida, o que só aconteceu no último set.

O Sesi Bauru foi valente e manteve o jogo equilibrado até o empate em 1 a 1. Porém, a partir do terceiro set, o Minas foi soberano e se impôs na quadra. O time mineiro ampliou a série invicta nesta temporada para 22 partidas. A última derrota foi no dia 27 de novembro de 2020, para o Osasco, por 3 a 0, ainda pela primeira rodada da Superliga.

A ponta Pri Daroit foi eleito o melhor da internet e recebeu o VivaVlei Trofu. Ela elogiou não só Macris, mas toda a equipe pelo jogo coletivo. “É muito bom ter a Macris como levantadora, ela sempre imprime velocidade. Uma vitória importante, temos que estar felizes, mas também pensar no jogo de domingo. Estamos de parabéns, pois jogamos em equipe e todos se ajudaram, ” ele disse.

O Pri Daroit fez 20 pontos, enquanto a principal pontuadora do Minas foi a central Thaisa, com 21. Megan ‘Easy’ cresceu na final e chegou a 18. Na partida, as atacantes foram os destaques em quadra. A mais eficaz foi a ponta Tifanny, com 22 acertos, seguida da uzbeque de nacionalidade azerbaijana Polina Rahimova, com 20.

Source