Neto culpa Ceni pela eliminação e vê recuo tático do Racing


O apresentador Neto culpou o técnico Rogério Ceni pela eliminação do Flamengo na Libertadores. Em “Os Donos da Bola”, hoje, o ex-jogador questionou as alterações no empate 1-1 com o Racing (ARG), ontem, no Maracanã. Rubro-Negro se despede da competição continental nas oitavas de final, após derrota nos pênaltis.

Neto também criticou o “soberbo” rubro-negro após uma vitória de 2019, e afirmou que o Flamengo sofreu um “recuo tático” dos argentinos nas duas partidas.

“Ele (Ceni) era o culpado. Como ele deixa o Vitinho jogar até o final? Ele tira as duas meias (Arrascaeta e Everton Ribeiro) e bota João Gomes?”, Questionou o apresentador.

“A empatia, o orgulho, achando que é melhor que todo mundo, eu queria fazer o campeonato sozinha, queria ganhar mais dinheiro, começou antes, falaram que o Jorge Jesus não ia embora. (…) Ele já saiu da Copa do Brasil de forma vergonhosa. Depois perde para o Racing. Ele deu uma retirada tática do Racing no primeiro e no segundo jogos “, acompanhou Neto.

Com a eliminação na Libertadores, o Flamengo se dedica exclusivamente ao Campeonato Brasileiro. Terceiro colocado, com 39 pontos, o Rubro-Negro enfrenta o Botafogo, sábado, às 17h, no Nilton Santos, pela 24ª rodada.